Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Queirosiana

Blogue sobre livros, leituras, escritores e opiniões

Clássicos da Literatura Portuguesa - uma lista pessoal

25.09.19

litpt.jpg

Aqui me confesso, na esperança de expiar as minhas faltas no que à literatura portuguesa diz respeito e que venho negligenciando desde há muito tempo. Assim, após alguma pesquisa, reuni uma lista de 30 obras clássicas da literatura portuguesa, à qual procurarei corresponder nos anos vindouros. Nem todos os títulos correspondem às obras mais famosas dos escritores, nalgum casos trata-se mais de uma escolha pessoal do que de outra coisa, tendo sempre optado por selecionar títulos ainda não lidos. Igualmente referir que não segue qualquer ordem, sendo uma lista puramente aleatória. 

 

  1. Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões Contados às Crianças e Lembrados ao Povo, adaptação em prosa de João de Barros
  2. Livro do Desassossego, Fernando Pessoa
  3. A Ilustre Casa de Ramires, Eça de Queiroz
  4. Peregrinação, Fernão Mendes Pinto
  5. O Ano da Morte de Ricardo Reis, José Saramago
  6. Viagens na Minha Terra, Almeida Garrett
  7. Mau Tempo no Canal, Vitorino Nemésio
  8. A Casa Grande de Romarigães, Aquilino Ribeiro
  9. O Labirinto da Saudade, Eduardo Lourenço
  10. A Criação do Mundo, Miguel Torga
  11. Aparição, Vergílio Ferreira
  12. Os Passos em Volta, Herberto Helder 
  13. A Monja de Lisboa, Agustina Bessa-Luís
  14. Contos e Diário, Florbela Espanca
  15. Húmus, Raul Brandão
  16. O Delfim, José Cardoso Pires
  17. Sinais de Fogo, Jorge de Sena
  18. A Bíblia da Humanidade, Antero de Quental
  19. Histórias da Terra e do Mar, Sophia de Mello Breyner
  20. Para Aquela que Está Sentada no Escuro à Minha Espera, António Lobo Antunes
  21. Amor de Perdição, Camilo Castelo Branco
  22. Manifesto Anti-Dantas e por extenso, José de Almada Negreiros
  23. Adoecer, Hélia Correia
  24. Eurico, o Presbítero, Alexandre Herculano
  25. As Pupilas do Senhor Reitor, Júlio Dinis
  26. A Confissão de Lúcio, Mário de Sá-Carneiro
  27. Esteiros, Soeiro Pereira Gomes
  28. Poesias Eróticas, Burlescas e Satíricas, Bocage
  29. A Viagem à Roda da Parvónia, Guerra Junqueiro
  30. Sob o Olhar de Medeia, Fiama Hasse Pais Brandão

*Já lidos

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.